OS ALPES SUISSOS

 

Na Suíça, trens levam turistas aos Alpes e à estação ferroviária mais alta da Europa

 

Cris Gutkoski*
Do UOL, na Suíça

A melhor forma de conhecer a Suíça é como passageiro, sem automóvel, de trem. Das bucólicas cidadezinhas com vacas e cabras na vizinhança dos trilhos aos picos nevados a mais de 3.000 m de altitude, todos os recantos do país europeu de 7,5 milhões de habitantes se deixam visitar por meio do transporte coletivo e ecológico, movido a eletricidade.

São cerca de 5.000 km de linhas de transporte ferroviário, com mais de 1.000 km de trajetos íngremes, na cordilheira dos Alpes e demais formações montanhosas.

Ampliar

Viagem de trem pela Suíça33 fotos

10 / 33

Chalés suíços em meio a florestas alpinas, na região de Interlaken Leia mais Cris Gutkoski/UOL

Para os turistas, existem sete rotas especiais, as chamadas “rotas cênicas”: Glacier Express, Bernina Express, GoldenPass Line, Guilherme Tell Express, Palm Express, Pre-Alpine Express e RegioExpress Lötschberger. Elas percorrem o país de norte (Romanshorn) a sul (Lugano) e de leste (Davos) a oeste (Montreaux), contemplando as múltiplas paisagens e culturas da Suíça.

A rota mais procurada, segundo Andreas Nef, do Swiss Travel System, é a Glacier Express, que em oito horas leva os viajantes de Zermatt à badalada St. Moritz, passando por Davos, sede do Fórum Econômico Mundial. Os vagões têm janelas panorâmicas, com parte do teto envidraçado, o que permite a visão privilegiada das montanhas nevadas.

Um ponto de vista ainda mais espetacular, equivalente ao horizonte que enxerga o condutor do trem no vagão da frente, pode ser reservado com antecedência na rota que liga as cidades de Montreaux e Lucerna. Na cabine especial da GoldenPass Line se acomodam oito passageiros. Nos demais vagões, ainda que a vista seja apenas lateral, ela não é menos bonita.

Em cinco horas de viagem, vai-se do francês da “Riviera suíça”, no sudoeste, em meio a palmeiras e vinhedos, ao idioma dos alemães no coração geográfico do país, que é Lucerna.

No miolo da rota está Interlaken, um dos principais destinos de lazer e aventura da Europa, cujo nome significa, literalmente, Entre Lagos: os gigantescos Thun e Brienz, circundados pela paisagem alpina de florestas de pinheiros, com a moldura, ao fundo, dos picos Eiger, Monch e Jungfrau.

  • DivulgaçãoO Glacier Express é a rota cênica mais procurada pelos turistas que visitam a Suíça
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s